O que fazer em Santo Antônio do Pinhal: 7 Lugares Imperdíveis

O que fazer em Santo Antônio do Pinhal: 7 Passeios Imperdíveis

Nós adoramos procurar novas dicas de viagem curtas a partir de São Paulo, especialmente para fins de semana e feriados. E nosso destino dessa vez foi Santo Antônio do Pinhal, cidade vizinha a Campos do Jordão e localizada na Serra da Mantiqueira.

Como você deve imaginar, esses lugares na Serra da Mantiqueira são super indicados para quem procura uma viagem romântica e aconchegante.

Para isso, vale a pena procurar uma pousada charmosa para curtir a viagem. Vale até apostar em alugar uma casa, através do Airbnb.

No entanto, caso você não conheça a cidade, pode estar se perguntando se vale a pena mesmo viajar para Santo Antônio do Pinhal. Será que essa é uma boa alternativa comparada com Campos do Jordão?

Então vamos apresentar aqui algumas opções do que fazer em Santo Antônio do Pinhal, assim você pode concluir se você vai curtir ou não essa viagem.

O que fazer em Santo Antônio do Pinhal: 7 Lugares Imperdíveis

Vale a pena viajar para Santo Antônio do Pinhal, cidade vizinha de Campos do Jordão?

Após cerca de 3 horas de estrada a partir de São Paulo, chegamos na cidade de Santo Antônio do Pinhal. A estrada é tranquila, mas em determinado momento já começamos a circular pelas montanhas da Serra da Mantiqueira.

Para entrar mesmo no clima de montanha, nós precisamos ainda percorrer uma parte em estrada de terra, mas felizmente em boas condições. Para chegar na casa que alugamos para o fim de semana, só de carro mesmo.

Chegamos afinal na nossa casa alugada. Viajamos em três casais: eu e Cleber, Sonia e Kaio do blog Coisos on the Go e nossas madrinhas Amanda e Eloah, do Marola com Carambola.

Cercados de verde, é hora de desligar da cidade grande. Mas não antes de perguntar a senha do Wi-Fi, afinal ninguém é de ferro.

Salve no Pinterest

O que fazer em Santo Antônio do Pinhal: 7 Passeios Imperdíveis - Pousada, Airbnb e Restaurantes

Pousada ou Airbnb em Santo Antônio do Pinhal

Como já falamos, é muito normal fazer uma viagem romântica para a Serra da Mantiqueira, e alguns dos destinos mais famosos da região são Campos do Jordão e Monte Verde.

A vantagem de ficar em Santo Antônio do Pinhal é que os preços podem ser mais baratos do que na sua vizinha mais famosa. E a cidade é bem mais tranquila, sem aquele excesso de turistas.

O que fazer em Santo Antônio do Pinhal: 7 Passeios Imperdíveis - Pousada, Airbnb e Restaurantes
Casa alugada em Santo Antônio do Pinhal, cercada pela Serra da Mantiqueira

Uma das opções de hospedagem melhor avaliadas nos sites de busca de hotéis é a Pousada Pássaro de Fogo, que fica a cerca de 1km de distância do centro. Com uma piscina com vista cinematográfica para as montanhas, a Pousada Vale das Araucárias é outra opção na cidade, que exige um pouco mais de investimento.

Como viajamos num grupo de 3 casais, nós optamos por alugar uma casa no Airbnb, justamente com 3 dormitórios independentes.

A casa fica um pouco distante do centro, mas a estrutura é excelente. Uma piscina deliciosa, ampla área verde com lago, espaço gourmet com churrasqueira, forno de pizza, fogão a lenha são alguns dos benefícios. Na área do sítio ficam outras duas casas da mesma proprietária, mas a uma boa distância o que garante privacidade. A casa ainda é totalmente equipada com eletrodomésticos e louças (só sentimos falta de um filtro), móveis muito bonitos, ventilador, cobertores, televisão e armários.

É preciso levar toalhas de banho e rosto, mas de resto está tudo incluído. Nós adoramos.

Para consultar essa casa como opção de hospedagem, faça seu cadastro no Airbnb através desse link, coloque Santo Antônio do Pinhal na busca e procure pelo Sítio Amplo, Calmo e Acolhedor.

Nota: Ao fazer seu cadastro através do nosso link você colabora com o trabalho do Viagens Cine e nos ajuda a continuar a postando conteúdo e dicas como essas. Além disso, você também ganha um crédito especial para sua primeira reserva. 

O que fazer em Santo Antônio do Pinhal

O site Santo Antônio do Pinhal classifica as atividades da cidade em 4 roteiros principais.

O Roteiro Verde, por exemplo, inclui atividades ao longo da Estrada do Lageado, como a Cachoeira do Lageado, o Atelier Eduardo Miguel Pardo (o artista trabalha com reaproveitamento de madeiras) e a Casa da Mata (com produção de cogumelos, nós não visitamos mas nossos amigos foram lá).

O Roteiro Vermelho inclui os passeios próximos ao centro, como o Boulevard Araucária e a Praça do Artesão.

No Roteiro Azul, é possível fazer algumas atividades para conhecer produções locais, como a produção de cachaças, cerveja artesanal, cerâmicas, trutas ou queijo de cabra.

E finalmente o Roteiro Marrom inclui o Pico Agudo, um dos principais pontos turísticos de Santo Antônio do Pinhal.

1 – APA Serra da Mantiqueira

O que fazer em Santo Antônio do Pinhal: 7 Passeios Imperdíveis - Pousada, Airbnb e Restaurantes
Paisagem típica de Santo Antônio do Pinhal, muita natureza e as montanhas da Serra da Mantiqueira

A APA Serra da Mantiqueira foi criada em 1985 com o objetivo de preservar parte de uma das maiores cadeias montanhosas da Região Sudeste do Brasil. A área do parque inclui 3 Estados: Rio de Janeiro, Minas Gerais e São Paulo.

O nome Mantiqueira vem do tupi-guarani Amantikir que signifca “serra que chora”. Esse nome, como você deve imaginar, é decorrente também da quantidade de nascentes que são encontradas nas montanhas.

Para cada destino da Serra da Mantiqueira, tem pelo menos uma cachoeira lá para você conhecer. Em Santo Antônio do Pinhal não é diferente.

Uma das árvores características da região é a Araucária, que deixa essas montanhas ainda mais charmosas. Infelizmente, a árvore está ameaçada de extinção.

Para curtir bem as montanhas e a natureza da região, você pode fazer uma trilha pela região. O site Pinhal.net apresenta algumas trilhas, como a Trilha do Zigue Zaque ou a Trilha do Cambraia.

Mas mesmo que você não faça uma trilha, o clima de montanha está em toda parte da cidade. Aproveite.

2 – Jardim dos Pinhais Ecco Parque

O que fazer em Santo Antônio do Pinhal: 7 Passeios Imperdíveis - Pousada, Airbnb e Restaurantes
A charmosa entrada do Jardim dos Pinhais Ecco Parque

Quem viaja para Campos do Jordão não pode deixar de conhecer o Parque Amantikir. Em Santo Antônio do Pinhal, a opção é conhecer o Jardim dos Pinhais Ecco Parque.

O parque traz vários pedaços do mundo para dentro de um lugar só. Provence, Toscana, Canadá, Deserto do Atacama (no Jardim Desértico), Holanda (as sementes de flores foram importadas principalmente de lá) são alguns dos destinos trazidos para dentro do parque.

O projeto nasceu do sonho de um arquiteto, após uma viagem ao Canadá. É uma iniciativa privada, por isso existe a cobrança de uma entrada, que funciona justamente para manutenção dos 82 mil metros quadrados de paisagismo e da equipe de funcionários e jardineiros.

Jardins Temáticos

O que fazer em Santo Antônio do Pinhal: 7 Passeios Imperdíveis - Pousada, Airbnb e Restaurantes
Festival de cores no Jardim dos Pinhais Ecco Parque

O circuito de jardins temáticos tem 1.200m de extensão e é todo em aclive, então pode cansar um pouquinho. Mas foi projetado para ser acessível, com rampas que facilitam a circulação de pessoas com mobilidade reduzida, até mesmo portadores de necessidades especiais.

Entre os jardins temáticos, os destaques ficam para o tranquilo Jardim Japonês, o colorido Jardim Canadense e o curioso Jardim das Bolhas.

A visita pode ser por conta própria ou, como fizemos, com o acompanhamento de uma guia do parque (não há custo adicional). Essa visita guiada é bem legal para ajudar a conhecer melhor as variações de espécies.

Ficha Técnica:

Endereço: Av. Antônio J Oliveira, 2600, Santo Antônio do Pinhal
Horário: de segunda a sexta (fechado na terça-feira) das 9h às 17h (saídas com guia a cada 1h) e sábado, domingo e feriados das 9h às 18h (saídas com guia a cada 30 minutos).
Preços: R$ 30,00 (adultos) e isento para menores de 7 anos ou aniversariantes

3 – Cachoeira do Lageado

O que fazer em Santo Antônio do Pinhal: 7 Passeios Imperdíveis - Pousada, Airbnb e Restaurantes
Cachoeira do Lageado, sempre é legal incluir uma cachoeira no roteiro

Como já mencionamos, Santo Antônio do Pinhal também tem cachoeira. A Cachoeira do Lageado é de fácil acesso. Aliás, nossa casa ficava pertinho dela.

Para chegar é só pegar a Estrada do Lajeado (existe um caminho de terra que é um pouco acidentando, ou uma opção toda em caminho asfaltado, porém mais longa).

Nós preferimos cachoeiras menos estruturadas e mais selvagens. Mas a cachoeira tem um acesso com uma escadaria de pedra e alguns bancos de madeira para sentar e curtir a natureza. Para quem tiver com preguiça de descer as escadas (acredite, há quem não desça mesmo), existem pequenas quedas e piscinas naturais no alto.

O que fazer em Santo Antônio do Pinhal: 7 Passeios Imperdíveis - Pousada, Airbnb e Restaurantes
Banho na Cachoeira do Lageado, vale encarar?

Mas vale mesmo descer e conferir a maior queda e, quem sabe, dar um mergulho. No verão ainda rola, no inverno acho difícil rs.

O lugar conta com lanchonete e banheiros.

Ficha Técnica:

Endereço: Estrada Municipal do Lageado s/n
Horário: Todos os dias, das 10h às 17h.
Preços: R$ 5,00

Sorveteria Eisland – Gelatos da Fazenda

O que fazer em Santo Antônio do Pinhal: 7 Passeios Imperdíveis - Pousada, Airbnb e Restaurantes
Sorveteria Eisland, cercada pela Serra da Mantiqueira

Um passeio combinado com a Cachoeira do Lageado é passar na Sorveteria Eisland. Para chegar é preciso encarar um pedaço de estrada de terra, para chegar na fazenda onde funciona a sorveteria.

A sorveteria trabalha com ingredientes selecionados, como o leite e creme de leite fresco de gado Jersey, acrescidos de bases de fruta como geléias e compotas da fazenda. Tudo para trazer aquele gostinho de fazenda para o sorvete.

4 – Estação Eugênio Lefévre e Mirante da Santa

O que fazer em Santo Antônio do Pinhal: 7 Passeios Imperdíveis - Pousada, Airbnb e Restaurantes
Estação Eugênio Lefévre e uma paradinha para experimentar o bolinho de bacalhau

A Estação Eugênio Lefévre é outro lugar bem legal para conhecer na cidade. Na verdade, a estação fica na divisa com o município de Pindamonhangaba.

Construída em 1916 pelo engenheiro Eugênio Lefévre, a estação acabou se localizando numa ferrovia planejada e não construída.

Posteriormente, a estação serviu para um passeio de trem que ligava Pindamonhangaba a Campos do Jordão, passando por Santo Antônio do Pinhal. Mas há dois anos o passeio turístico parou de funcionar.

Já que os trens não estão circulando, aproveitamos para tirar muitas fotos nos trilhos, nós adoramos.

O que fazer em Santo Antônio do Pinhal: 7 Passeios Imperdíveis - Pousada, Airbnb e Restaurantes
Nosso grupo reunido para uma foto na linha do trem

Além disso, vale conferir o bolinho de bacalhau na lanchonete localizada na própria estação. Na realidade, nós gostamos mais do bolinho de truta defumada, não deixe de experimentar (R$ 10,00).

Mirante de Nossa Senhora Auxiliadora

Visual do Mirante de Nossa Senhora da Auxiliadora

A partir da própria estação, você caminha para o lado esquerdo ao lado dos trilhos para chegar no Mirante da Santa. O acesso é bem fácil.

No mirante, você encontra a estátua de 3 metros de altura de Nossa Senhora Auxiliadora e uma vista bem legal para a Serra da Mantiqueira e para a rodovia de acesso a Santo Antônio do Pinhal.

O mirante fica a 1.150 metros de altura.

5 – Passeio pelo Centro: Boulevard Araucária

O que fazer em Santo Antônio do Pinhal: 7 Passeios Imperdíveis - Pousada, Airbnb e Restaurantes
Centrinho de Santo Antônio do Pinhal é mais simples do que Campos do Jordão, mas tem seu charme

Para quem já visitou o bairro Capivari em Campos do Jordão e suas ruas cheias de construções típicas da Europa, é preciso reduzir um pouco as expectivas.

O centrinho de Santo Antônio do Pinhal é bem mais simples e menos pitoresco. Um dos destaques é o prédio do centro comercial Vila Alta, no Boulevard Araucária.

A pracinha tem jardins muito bem cuidados e um centrinho de venda de produtos locais. É onde está localizada a Rodoviária da cidade.

Ali na região, você encontra vários restaurantes e lojas de roupas.

Igreja de São Benedito e Praça do Artesão

O que fazer em Santo Antônio do Pinhal: 7 Passeios Imperdíveis - Pousada, Airbnb e Restaurantes
Relógio de Flores e Igreja de São Benedito, no centro de Santo Antônio do Pinhal

A Igreja de São Benedito fica numa parte mais alta, de onde é possível ter uma vista panorâmica do centro. Ali na subida, há também um Relógio de Flores em construção, mas o espaço é meio apertado e íngreme para tirar fotografias.

Uma caminhada de cerca de 300 metros separa o Boulevard Araucária da Praça do Artesão, com uma ponte e um portal japoneses (uma homenagem ao centenário da Imigração Japonesa). Há um espaço para shows.

O que fazer em Santo Antônio do Pinhal: 7 Passeios Imperdíveis - Pousada, Airbnb e Restaurantes
A simpática e pacata Praça do Artesão

Ali pertinho, ainda vale a caminhada até a Fonte de Santo Antônio (a água é considerada terapêutica) e ao Mirante do Cruzeiro.

6 – Pico Agudo

O que fazer em Santo Antônio do Pinhal: 7 Passeios Imperdíveis. Foto: Coisos on the Go
Visual do Pico Agudo, ideal para a prática do voo duplo de parapente. Foto: Coisos on the Go

O Pico Agudo é um dos melhores visuais (para não dizer o melhor) para a Serra da Mantiqueira. Em dias claros, é possível visualizar até a Pedra do Baú (localizada em São Bento do Sapucaí).

O local é ponto de atividades de voo duplo, então queremos muito retornar para fazer esse voo por lá. Deve ser incrível.

Para subir, é preciso encarar uma subidinha bem íngreme e com boa parte em estrada de terra. Nos dias de chuva, é melhor evitar.

Nós vimos alguns comentários sobre a dificuldade da subida na internet, mas nossos amigos encararam a subida e tiraram fotos incríveis por lá.

7 – Restaurante Donna Pinha

O que fazer em Santo Antônio do Pinhal: 7 Passeios Imperdíveis - Restaurante Donna Pinha
Entrada do Restaurante Donna Pinha, em Santo Antônio do Pinhal

E como ninguém viaja para a montanha sem pensar em comida, nós adoramos conhecer a gastronomia do @Donna_Pinha, a cargo da @Chef_Anouk.

Apesar de não estar presente por conta de um evento, a Chef Anouk esteve “presente” durante todo nosso almoço, transmitindo seu carinho através do atendimento impecável de sua equipe.

A Chef Anouk tem mais de 17 anos de experiência na gastronomia e privilegia ingredientes regionais, como as trutas, pinhão, cogumelos e alcachofras. O incentivo aos pequenos produtores e aos ingredientes frescos também estão na essência do Donna Pinha.

Em determinados períodos, o Restaurante Donna Pinha promove festivais gastronômicos, como o Festival do Pinhão em abril e maio, o Festival da Alcachofra em setembro a novembro e o Festival de Queijos e Vinhos no inverno.

Os pratos e preços

O que fazer em Santo Antônio do Pinhal: 7 Passeios Imperdíveis - Restaurante Donna Pinha
Sequência de couvert, prato principal e sobremesa no Restaurante Donna Pinha

Não deixe de provar o Couvert Sabores da Montanha (R$ 17,80), com pães feitos na casa acompanhados de patês da estação. As casquinhas de trutas e cogumelos são imperdíveis (R$ 15,80).

No prato principal, aposte no Medalhão Donna Pinha (R$ 70,90) ou na Moquequinha de Truta (R$ 99,80, serve duas pessoas), sugestões da Chef Anouk.

E o bolo de lavanda, que experimentamos como sobremesa, fechou com chave de ouro o nosso almoço no Donna Pinha. E ainda saímos com uma geléia deliciosa da casa.

Não saia do Donna Pinha sem uma das deliciosas geléias artesanais da casa

Ficha Técnica:

Endereço: Av. Antônio Joaquim de Oliveira, 647 – Centro – Santo Antônio do Pinhal – SP
Horário: De segunda à quinta-feira, das 10h30 às 17h, fins de semana até às 22h (consulte os horários antecipadamente, pois existem variações).
Preços: Média dos pratos de R$ 50,00 a R$ 70,00

A viagem foi muito gostosa e recomendamos Santo Antônio do Pinhal para quem procura um destino mais tranquilo e menos turístico do que sua vizinha Campos do Jordão.

Mas mesmo hospedado lá, é possível ainda fazer um bate-volta até atrações de Campos do Jordão. A distância é de pouco mais de 30 minutos.

Leia também:
10 Dicas de Viagem de Fim de Semana e Feriados a partir de SP

4 comentários

  1. São passeios essenciais para conhecer a cidade, e deixam a gente com vontade de querer explorar um pouco mais! Adorei 🙂

  2. É impressionante como alguém que se diz tendo visitado a cidade indica lugares como os 7 mais incríveis da cidade sendo que alguns deles podem nem mesmo ser assim considerados como passeios! Sem uma estrutura mínima que seja para assim receber! Este mundo de especialistas é muito chato viu! Recomendo ao que aqui passarem terem seus próprios mecanismos de visita ao município que tem muitas mas muitas mesmo oportunidades de passeios incríveis muito além das aqui descritas! Se aventurem! a cidade e região tem muito a oferecer, comecem pelo trip Advisor! é um bom início..

    1. Obrigado Eduardo, obviamente a cidade tem muito mais a oferecer, nosso artigo não tem a pretensão de esgotar todas as opções mas servir como um ponto de partida. Pedimos desculpas por não ter visitado o seu atelier, numa próxima viagem esperamos ter essa oportunidade. Abraço grande.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.