O que fazer na França: 7 Cidades e Destinos para Conhecer

O que fazer na França: Cidades e Melhores Destinos

A França é um dos nossos países preferidos na Europa. Muito além de Paris, existem várias outras cidades e roteiros de viagem em destinos incríveis. Considere isso na hora de planejar a sua viagem e escolher o que fazer na França.

Em 2015, fizemos um roteiro de 30 dias na França inspirado em alguns filmes com locações no país. Entre eles, Meia Noite em Paris, Um Bom Ano e Ladrão de Casaca. Mas é certo que a França é um lugar repleto de lugares cinematográficos, como na Provence, na Côte d’Azur e no Vale do Loire.

Por isso, confira a seguir 7 sugestões de roteiros e/ou cidades que não podem ficar de fora de seu roteiro de viagem na França. Quais são as cidades imperdíveis e que funcionam melhor como ponto de apoio para fazer road trips pelo país.

Uma coisa é certa: há muita coisa linda para conhecer. Se puder, reserve pelo menos 15 dias para explorar o país.

O que fazer na França: 7 Cidades para Conhecer

Confira os 7 melhores destinos e cidades imperdíveis para colocar no seu roteiro de viagem na França

Salve esse Pinterest para consultar depois

O que fazer na França: 7 Melhores Destinos e Cidades para Conhecer - Roteiro de Viagem

1 – Paris

  • Obviamente, a cidade de Paris não pode ficar de fora de qualquer roteiro na França. É aquele clássico imbatível.
  • Paris é frequentemente considerada com um dos melhores destinos de viagem no mundo. A cidade consegue conciliar lugares de sonho de todos os turistas, como a Torre Eiffel, com outros menos turísticos, como o charmoso bairro de Marais.
  • Aqui no site, nós temos dicas de roteiros em Paris que vão de 3 a 7 dias. Mas desde já, antecipamos que o tempo mínimo ideal é de 7 dias.
  • Isso porque além da própria cidade de Paris, há várias opções de passeios nas redondezas. O mais famoso é até o Palácio de Versailles, que toma um dia de viagem.

Leia mais:
Roteiro em Paris: Dicas de Viagem para 3, 5 ou 7 Dias

O que fazer na França: 7 Cidades para Conhecer - Paris
Paris, obviamente, é a cidade mais icônica da França e um dos melhores destinos do mundo

Dicas de Viagem

  • Quanto Dias: 7 dias é o tempo ideal para conhecer os principais pontos turísticos de Paris. Se você tiver menos tempo, o negócio é priorizar os lugares mais bonitos e conhecidos da própria cidade de Paris e dispensar os passeios bate-volta para Versailles ou Giverny, que tomam muito tempo.
  • Como se Locomover: o Metrô de Paris é super abrangente, o que dispensa o uso de carro na cidade.
  • Onde Ficar: Se você está procurando uma localização central, o Hôtel du Lion d’Or Louvre é uma boa alternativa. Uma dica de bairro charmoso e próximo dos pontos turísticos é o Marais. Algumas opções são Grand Hotel du Loiret e o Hôtel Le Compostelle. Apesar de não ser muito central, o bairro de Montmartre é aquele chance de viver alguns dias de Amélie Poulain. O Grand Hôtel de Clermont possui bons preços. Mas se você quiser economizar mesmo, aposte no bairro Bastille. O Hotel Ibis Paris Bastille Opera tem boa relação custo benefício.
  • Quando Ir: De junho a setembro. Apesar de muitos dizerem que a primavera é uma boa época, o clima ainda não estará tão estável. Apesar de ser alta temporada, aposte mesmo no verão, quando a cidade está mais luminosa e alegre. E também quando você poderá fazer grandes caminhadas pela cidade e fazer várias descobertas.

Sugestão de Roteiro


2 – Nice e Riviera Francesa

Nice é uma das principais bases para conhecer o Sul da França e a Côte d’Azur (Costa Azul)
  • A Riviera Francesa é de um charme irresistível. A começar pela cor do mar do Mediterrâneo, hipnotizante.
  • Mas a verdade é que toda a Côte d’Azur (como é conhecida a Riviera Francesa por lá) é um destino cheio de cidades encantadoras, mas cuja principal base é a cidade Nice. Com melhor infraestrutura de hospedagem, Nice é a melhor localização para explorar toda a região.
  • Entre as cidades que você pode conhecer a partir de Nice, estão Cannes, Éze ou Saint-Paul-de-Vence. Dá até para dar um pulinho até o Principado de Mônaco, que vale super a pena. Mas recomendamos mesmo ficar pelo menos 2 noites por lá, para conhecer melhor.

Leia mais:
Riviera Francesa – Côte d’Azur: Dicas e Roteiro de Viagem

Dicas de Viagem

  • Quanto Dias: 4 dias é o tempo mínimo necessário para conhecer Nice e também visitar as outras cidades da Côte d’Azur
  • Como se Locomover: Estacionar as ruas de Nice é um suplício. Então procure um hotel com vagas de garagem ou já planeje o investimento em estacionamentos pagos. Mas dá para se locomover bem de trem, que dá acesso às cidades vizinhas.
  • Onde Ficar: Nós ficamos hospedados no Star Hotel. Não fica de frente para o mar mas também ótima relação custo benefício. Outras dicas são o Radisson Blu Hotel, na Promenade des Anglais (de frente para o mar) e o Hotel Ozz by Happyculture, pertinho da estação de trem.
  • Quando Ir: Verão definitivamente. Essa é a única chance que nós, brasileiros, podemos ter de pegar praia e entrar no mar sem pegar frio.

O que fazer na França: Cidades e Melhores Destinos

Sugestão de Roteiro

  • Dia 1: Chegada em Nice
  • Dia 2: Nice
  • Dia 3: Saint-Jean-Cap-Ferrat + Éze
  • Dia 4: Cannes + Grasse + Saint-Paul de Vence
  • Dia 5: Mônaco
  • Dia 6: Mônaco
  • Dia 7: Retorno para Paris ou começar roteiro na Itália

3 – Marselha

  • Marselha é a segunda maior cidade da França e também a mais antiga. Tem a vantagem de também estar localizada de frente para o Mar Mediterrâneo. Infelizmente, nós não ficamos hospedados lá, mas foi um grande erro.
  • Há muito o que fazer em Marselha e na charmosa Cassis, cidade vizinha. Entre as principais atrações, as calanques são um espetáculo à parte. São praias de águas cristalinas, cravadas no meio de penhascos cinematográficos.
  • Mas a cidade, obviamente, revela muitos outros passeios, como o Château d’If, a Basílica Notre Dame de la Garde e o MUCEM – Museu das Civilizações Europeias e Mediterrânicas.

Leia mais:
As Calanques de Marselha e Cassis – Sul da França

O que fazer na França: Cidades e Melhores Destinos
Entre Marselha e Cassis, estão as calanques, praias com águas cristalinas cercadas de grandes paredões

Dicas de Viagem

  • Quanto Dias: 2 dias
  • Como se Locomover: a cidade possui muitas ofertas de transporte público, mas se você estiver em um roteiro de viagem pela Provence, o carro é mais do que recomendado.
  • Onde Ficar: Nós ficamos hospedados no Star Hotel. Não fica de frente para o mar mas também ótima relação custo benefício. Outras dicas são o Radisson Blu Hotel, na Promenade des Anglais (de frente para o mar) e o Hotel Ozz by Happyculture, pertinho da estação de trem.
  • Quando Ir: O verão também pode ser a melhor época, mas se quiser evitar o calor extremo, os meses de primavera (abril e maio) ou outono (setembro e outubro) podem ser boas alternativas. A região tem bastante sol, durante o ano todo.

4 – Aix-en-Provence

A melhor época para conhecer os campos de lavanda é no verão, principalmente no mês de julho
  • A Provence foi, durante muito tempo, um dos roteiros de viagem que eu mais sonhei na Europa, junto com a Toscana. Nenhum dos dois me decepcionou, e mesmo depois de tê-los feito, voltamos apaixonados.
  • Um dos obstáculos para essa viagem é que ela requer alugar um carro. Apesar de ser possível conhecer as grandes cidades da Provence, as cidades medievais e mais encantadoras só podem ser visitadas de carro.
  • Os trajetos às vezes são mais importantes do que os destinos. No verão, por exemplo, uma das maiores atrações turísticas e percorrer as estradas e fazer paradas nos campos de lavanda.

Leia mais:
Provence: Dicas e Roteiro de Viagem

Dicas de Viagem

  • Quanto Dias: de 4 a 7 dias. Nós reservamos somente 4 dias e tivemos que fazer muita coisa com pressa. A Provence é o tipo de região que merece ser visitada com calma. Mas se não tiver jeito, em 4 dias dá para fazer muita coisa legal.
  • Como se Locomover: como mencionamos, o carro é o transporte ideal para percorrer as estradas e visitar pequenas e charmosas cidades medievais. O Aeroporto Marseille Provence é a principal porta de entrada, mas você também pode chegar de carro (8h de carro a partir de Paris) ou de trem (4h).
  • Onde Ficar: Como pretendíamos fazer muitos roteiros de carro, escolhemos um hotel mais barato e distante do centro, o Ibis Budget Les Miles. Mas se quiser uma localização central, pode optar pelo Hôtel du Globe, bem no coração de Aix-en-Provence.
  • Quando Ir: Para ver os campos de lavanda floridos, é preciso ir no verão. A florada começa em meados de junho, com auge no mês de julho. Junho até agosto são os meses em que menos chove, e outubro é o mês mais chuvoso.

O que fazer na França: Cidades e Melhores Destinos

Sugestão de Roteiro

  • Dia 1: Chegada de avião no Aeroporto de Marseille-Provence
  • Dia 2: Aix-en-Provence
  • Dia 3: Arles + Avignon + Le Baux de Provence
  • Dia 4: Luberon
  • Dia 5: Calanques de Cassis
  • Dia 6: Marselha
  • Dia 7: Valensole + Moustiers-Sainte-Marte + Gorges du Verdon

5 – Blois e o Vale do Loire

O Vale do Loire é repleto de castelos e cenários cinematográficos, como o magnífico castelo de Chambord
  • Visitar os castelos na Europa e do Vale do Loire é um sonho realizado. Além da arquitetura e da história de cada edificação, ainda conhecemos jardins e espaços belíssimos, que aumenta ainda mais a experiência de se sentir naqueles espaços, como eram antigamente.
  • A viagem de Lyon (onde pegamos um carro alugado) até o Vale do Loire durou cerca de 5 horas, mas finalmente chegamos em Blois, a cidade em que optamos ficar hospedados. O castelo de Blois foi a residência de vários reis franceses e até cenário de um assassinato. A história do castelo é apresentada em um show noturno chamado de “Luz e Magia”, dentro do castelo de Blois.
  • Outro dos castelos imperdíveis é o castelo de Chenounceau, um castelo cuja maior história é a disputa entre duas mulheres, a amante do rei e a rainha Catarina de Médici. É um dos castelos mais bonitos da região. O castelo de Cheverny, por sua vez, destaca-se por sua simetria perfeita e por ter servido de inspiração para os quadrinhos de Tintim.
  • Finalmente, o castelo de Chambord é o mais imponente da região, possui 440 aposentos e 83 escadarias, algumas provavelmente projetadas por Leonardo da Vinci, que viveu na região do Vale do Loire.

O que fazer na França: Cidades e Melhores Destinos

Dicas de Viagem

  • Quanto Dias: é lógico que dá vontade de ficar bastante tempo, mas em 2 dias é possível conhecer entre 3 ou 4 castelos da região.
  • Como se Locomover: o carro é essencial para se locomover pela região. Há muita gente que faz um passeio bate-volta até o Vale do Loire, a partir de Paris. São 2 horas de distância.
  • Onde Ficar: Nós escolhemos a cidade de Blois, que fica numa localização central e estratégica para visitar os castelos.
  • Quando Ir: De maio a setembro são os meses com maior probabilidade de encontrar tempo bom para conhecer os jardins dos castelos.

6 – Córsega

  • Para quem curte natureza, a ilha francesa da Córsega é um prato e considerada pelo público do TripAdvisor como um dos melhores destinos da França.
  • Entre as paisagens cinematográficas, destacam-se montanhas, falésias e praias com o mar em muitos tons de azul. As praias de Saleccia, Petit Sperone e Santa Giulia são consideradas algumas das mais bonitas da França.
  • As estradas são longas e sinuosas e o tempo para percorrê-las é maior. Mas ao mesmo tempo, há muitos cenários incríveis e vilarejos pitorescos para conhecer nos percursos.
A Ilha de Córsega é um dos destinos mais paradisíacos da França. Créditos da Imagem: Tomasz Czajkowski, Shutterstock.com

Dicas de Viagem

  • Quanto Dias: de 4 a 7 dias.
  • Onde Ficar: não há uma cidade que se destaque em um roteiro na Córsega. Bonifacio, Porto Vecchio e Ajaccio (onde fica o aeroporto de entrada na ilha) são alguns dos lugares mais escolhidos.
  • Como se Locomover: O ideal é alugar um carro, já que o transporte público não é dos mais eficientes. Os trens são um pouco lentos e também não possuem ampla cobertura, limitando a possibilidade de roteiros na ilha.
  • Quando Ir: Para curtir o mar e as praias, o mais aconselhável é ir no verão, nos meses de junho a setembro.

7 – Chamonix Mont-Blanc

O que fazer na França: Cidades e Melhores Destinos
Uma experiência cinematográfica é chegar ao topo do Mont-Blanc e cruzar a fronteira entre a França e a Itália do alto das montanhas
  • Uma opção de visitar os Alpes e ter contato com a neve na Europa, mesmo no verão, é ir até a região de Chamonix Mont Blanc, na França, quase divisa com a Itália. De Genebra, pegamos um transporte para Chamonix, uma simpática e adorável cidadezinha cravada nos Alpes.
  • O programa é curtir o Teleférico do Aiguille du Midi (Agulha do Meio Dia), um pico com uma antena de comunicações no topo. O pico é alcançado através de duas viagens de teleférico, que atingem 3.777 metros de altura. Depois você ainda pega um elevador para alcançar 3.842 metros. O objetivo principal é ver o Mont Blanc (4.810m) de perto, a mais alta montanha da Europa ocidental.
  • Depois disso, é pura adrenalina a viagem de telecabine panorâmica atravessando a divisa entre a França e a Itália. Abaixo de você, um imenso glaciar. Não vá se você tiver medo de altura, ou vá mesmo assim e procure não olhar para baixo.
  • No final da travessia, você está no Pointe Hellbronner, na Itália. Quer jeito mais legal de ir de um país ao outro do que pelo alto de algumas das montanhas mais altas da Europa?

Leia mais:
Chamonix e o Mont-Blanc: A Montanha Mais Alta da Europa

O que fazer na França: Cidades e Melhores Destinos

Dicas de Viagem

  • Quanto Dias: 2 dias são o suficiente para fazer o passeio de teleférico e aproveitar um pouco da charmosa cidade
  • Como se Locomover: Você pode ir de trem, de carro ou até mesmo de van, a partir do Aeroporto de Genebra (foi o que fizemos). Como a cidade é bem compacta, o carro lá é desnecessário, mas pode ser útil se você quiser combinar com outros destinos próximos, como a Suíça.
  • Quando Ir: mesmo no verão, dá para ver neve no alto das montanhas. Mas para os praticantes de ski vão mesmo de dezembro a março, na alta temporada.

Confira também:
O que fazer na Europa: Dicas de Viagem e Roteiros Imperdíveis

6 comentários

  1. Olá, Fábio, Olá Jêrome. Fábio, como sempre, ótimas dicas, já segui algumas empresas minhas viagens. Adorei a dica de Menton. E que delícia deve ter sido morar em Colmar, é uma cidade linda, gostaria até de saber quais são as opções de emprego por lá.

  2. Oi.
    Eu sou francês. Aconselho-o a ir a Lyon em vez de Paris (Paris é uma cidade muito suja e perigosa) e em vez de Nice vá a Menton. Há também uma bela cidade chamada Colmar, onde eu morava.
    Enjoy

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.