Paraty: Qual o Melhor Passeio de Barco?

Pinterest LinkedIn Tumblr +

Entre os passeios para fazer em Paraty, um dos programas imperdíveis é o passeio de barco, que pode ser realizado através das tradicionais escunas ou também de forma mais privativa, através de lanchas.

Mas qual a melhor opção de passeio em Paraty? Quais os preços e diferenças? Será que vale a pena o investimento em uma lancha privativa? Quais as praias e ilhas imperdíveis desse roteiro?

Paraty é um dos nossos lugares preferidos para viajar perto de São Paulo. A cidade combina a beleza de seu centro histórico bem preservado, com uma natureza incrível cheia de praias e ilhas paradisíacas.

Muitas dessas praias só possuem acesso de barco. Por isso, o passeio de escuna ou lancha é um programa obrigatório.

Bora conferir nossas três experiências de passeio de barco em Paraty?

Paraty RJ: Qual o Melhor Passeio de Barco – Escuna ou Lancha?

Confira as opções de passeio de escuna, barco ou lancha privativa, com preços

Salve no Pinterest para consultar depois

Primeiramente, vamos explicar que esse artigo é baseado em diferentes experiências.

Em nossa primeira viagem para Paraty, em 2013, nós fizemos apenas o passeio de escuna tradicional.

Em 2021, nós retornamos a Paraty e fizemos dois outros passeios:

Entre em contato com a Paraty Tours e mencione o código VIAGENSCINE. Leitores do blog têm 10% de desconto.

Assista nosso vídeo no YouTube para conhecer melhor esses passeios:


Confira a seguir as principais diferenças entre esses passeios de barco em Paraty.

Aluguel de Carro

Se você precisar alugar um carro, nós recomendamos os serviços da Localiza. A Localiza possui a maior frota do Brasil e tem mais de 47 anos de experiência no setor.

Sua reserva pode ser online de forma rápida, diretamente pelo site da Localiza.

Fique de olho também nessas vantagens que a Localiza oferece:

  • você pode parcelar o pagamento em até 10 vezes sem juros;
  • assistência 24 horas;
  • acumular pontos no Programa Fidelidade, para trocar por novas diárias. 

Em abril, seguidores do Viagens Cinematográficas têm 20% de desconto no aluguel de carros. Consulte as condições no site da Localiza.

Aluguel de Carros


1 – Roteiro Terra e Mar

Paraty: Qual o Melhor Passeio de Barco? Passeio de escuna, barco ou lancha privativa
Ilha dos Cocos, uma das paradas do Roteiro Terra e Mar da Nectar Experience

Para quem tem pouco tempo em Paraty, esse passeio é uma boa oportunidade de conciliar dois passeios em 1 só.

Pela manhã, nós fizemos um passeio de lancha que inclui algumas ilhas de Paraty e o Saco do Mamanguá. Depois do almoço, nós visitamos duas cachoeiras e um alambique localizado no Caminho do Ouro de Paraty.

Quem opera esse passeio é a Nectar Experience, uma agência de experiências parceira da Pousada do Sandi. A agência utiliza uma lancha da própria pousada, a Mamanguá.

“Das praias às cachoeiras, o passeio leva ao que há de mais bonito na região”, nos conta Gabriel Toledo, consultor de experiências da Nectar.

Ilhas da Baía de Paraty

Paraty: Qual o Melhor Passeio de Barco? Passeio de escuna, barco ou lancha privativa
Barcos parecem flutuar na Ilha dos Cocos

O passeio se inicia na própria pousada, de onde seguimos para o ponto de embarque na lancha. Embarcamos por volta das 9h50.

Aos finais de semana ou feriados, recomendamos procurar começar o passeio mais cedo para pegar as praias e ilhas mais vazias.

Na Baía de Paraty, fizemos duas paradas, na Ilha Comprida (ideal para fazer snorkeling, pela rica vida marinha) e na Ilha dos Cocos (com um mar verde esmeralda e cristalino de tirar o fôlego).

As paradas para mergulho foram bem rápidas, na verdade mais do que gostaríamos. Dava vontade de ficar mais, mas o roteiro tem muitas coisas ainda para rolar.

Paraty: Qual o Melhor Passeio de Barco? Passeio de escuna, barco ou lancha privativa
O mar surreal da Baía de Paraty

A Baía de Paraty possui inúmeras ilhas e praias, então você pode negociar com o marinheiro e com os demais passageiros, quais paradas você querem fazer e quanto tempo ficar em cada uma delas.

Saco do Mamanguá

Paraty: Qual o Melhor Passeio de Barco? Saco do Mamanguá
Saco do Mamanguá, o único fiorde tropical

Depois das ilhas, seguimos para o Saco do Mamanguá, considerado o único fiorde tropical brasileiro.

Na realidade, essa entrada de mar com mais de 8k de extensão não pode ser tecnicamente considerada um fiorde, já que não é de decorrente do derretimento das geleiras. Apesar disso, essa denominação ajuda a definir um pouco a natureza do lugar.

Uma das paradas imperdíveis é visitar a Praia do Costa, agora conhecida como Praia do Crepúsculo.

Paraty: Qual o Melhor Passeio de Barco? Praia do Filme Crepúsculo
A praia que serviu de locação para o filme “Crepúsculo” fica no Saco do Mamanguá

A praia serviu como locação de um dos filmes da saga “Crepúsculo”.

No filme “Amanhecer – Parte 1”, os protagonistas Edward e Bella se casam e vão passar a lua de mel numa ilha, próxima do Rio de Janeiro.

É justamente a Praia do Costa, que fica aos pés do Pico do Pão de Açúcar.

Almoço

Paraty: Qual o Melhor Passeio de Barco? Passeio de escuna, barco ou lancha privativa
Estrutura simples na Praia de Paraty-Mirim: parada para almoço

Nós paramos para um rápido mergulho e seguimos para a Praia de Paraty-Mirim.

Há um pier de desembarque e um mar verde com uma tonalidade incrível. Chegamos por lá às 12h50.

Um carro da Nectar já nos aguardava para a segunda parte do passeio.

O Roteiro Terra e Mar da Nectar Experience custa R$ 300,00 por pessoa e tem duração de 6 horas, incluindo roteiro de barco e de Land Rover. Refeições e bebidas não estão inclusas.

Paraty: Qual o Melhor Passeio de Barco? Roteiro Terra e Mar
Land Rover da Nectar nos aguardava para a segunda parte do passeio

Nós almoçamos na Praia de Paraty-Mirim, no Quiosque Paraty-Mirim. O restaurante tem estrutura precária e os preços acima da média (R$ 120,00 o prato para duas pessoas). Não curtimos muito a experiência.

Além disso, a comida demorou bastante, o que acabou atrasando a segunda parte do passeio.

Enquanto o almoço não chegava, aproveitamos para conhecer a Igreja de Nossa Senhora da Conceição, a igreja mais antiga de Paraty, datando de 1720. A praia fica ali pertinho, mas não está entre as praias mais bonitas da cidade.

Alambiques e Cachoeiras

Paraty: Qual o Melhor Passeio de Barco? Cachoeira do Tobogã
Cachoeira do Tobogã, uma das mais famosas de Paraty

Só conseguimos do restaurante às 14h30 e a programação de dois alambiques foi encurtada para apenas um.

A visita ao Alambique da Cachaça Coqueiro não aconteceu. Esse é o alambique mais antigo de Paraty, de 1803, ainda em atividade.

Seguimos direto para Igreja Nossa Senhora da Penha, que fica no alto de uma escadaria. Esse é o principal ponto de referência, que pode ser visto da própria Estrada Paraty-Cunha.

Estacionamos a Land Rover e seguimos para a famosa Cachoeira do Tobogã. É tudo meio pertinho e de fácil acesso.

Existem dois pontos para contemplar a cachoeira. De baixo, você consegue ver o pessoal escorregar por uma longa superfície lisa, que é a grande atração do lugar. Do alto, você pode ver o pessoal descendo e, escorregar pela queda.

O nosso guia nos deu algumas dicas de qual o melhor lugar (e mais seguro) para curtir a experiência. O Cleber desceu três vezes, eu acabei não tendo coragem.

Um pouco acima, após uma trilha na mata de cerca de 10 minutos, é possível chegar no Poço do Tarzan. Ali, o grande atrativo é poder mergulhar de um ponto, a uma altura de 10 metros.

Nesse ponto, existe uma ponte suspensa (bem Indiana Jones) que dá acesso ao Restaurante Poço do Tarzan.

Engenho d’Ouro

Paraty: Qual o Melhor Passeio de Barco? Alambique d'Ouro
A visita ao Alambique Engenho d’Ouro é uma oportunidade de degustar a deliciosa cachaça Gabriela, típica de Paraty

Para encerrar o dia, ainda fizemos uma visita ao Alambique Engenho d’Ouro. A história de Paraty está ligada a produção do aguardente, então visitar pelo menos um alambique é um programa essencial na cidade.

Além de conhecer um pouco do processo de produção de cachaça à vácuo, no local é possível fazer a degustação de alguns tipos de cachaça, entre elas a famosa Gabriela, uma mistura de cachaça branca, cravo, canela, gengibre. É uma cachaça deliciosa.

Como fizemos a visita durante a pandemia, toda a degustação tem que ser realizada na área externa da loja.


2 – Passeio de Lancha Privativo

Paraty: Passeio de lancha privativa
A embarcação Malou III no passeio de lancha privativo da Paraty Tours

Essa é a oportunidade de você viver uma experiência inesquecível em Paraty.

O passeio de lancha privativo permite que você tenha uma lancha e um marinheiro exclusivamente para você, sua família ou seu grupo de amigos.

A Paraty Tours foi nos buscar em nossa pousada e seguimos de van até o ponto de embarque, que aconteceu em uma das marinas de Paraty. Por lá, nosso marinheiro Cleiton já nos esperava.

Você pode reservar o passeio diretamente com a agência, pelo site ou pelo whatsapp. Para o passeio de lancha, a empresa possui três embarcações, com diferentes tamanhos e capacidades.

Nós embarcamos na novíssima Lancha Malou III, de 22 pés e com capacidade para 9 pessoas.

O passeio inclui:

  • Marinheiro;
  • Água mineral;
  • Toalhas;
  • Máscara e snorkel;
  • Flutuadores;
  • Combustível;
  • OPCIONAL: Petiscos / Bebidas /  Piquenique (Sob Consulta)
A cesta de piquenique é uma boa opção para incluir no seu passeio

A Paraty Tours ainda fornece uma cesta de piquenique, um opcional do passeio. Para nós foi bem interessante, porque descartamos a parada para almoço e conseguimos aproveitar melhor o tempo do passeio.

Uma informação importante é que o passeio tem duração de 5 horas. Nesse período, você pode combinar com o marinheiro qual será o roteiro, quais ilhas e praias pretende visitar e onde será a parada para almoço.

Praias e Ilhas de Paraty

Praia da Lula, chegue cedo para pegar ela mais tranquila

Anote aí algumas paradas que você pode fazer.

Como já dissemos, são 65 ilhas e inúmeras praias, então você também pode fazer suas próprias descobertas.

  • Praia da Lula (converse com o marinheiro para chegar em horário diferente dos passeios de escuna);
  • Praia Vermelha (idem ao anterior);
  • Praia da Conceição (idem ao anterior);
  • Ilha da Pescaria: ideal para fazer snorkeling;
Muitos peixes na parada para snorkeling na Ilha da Pescaria
  • Ilha Comprida: também outra parada para ver peixinhos;
  • Ilha dos Cocos: uma das águas mais cristalinas que conhecemos, mas não tem praia;
  • Ilha da Cotia: a curiosidade aqui é poder cruzar a ilha, indo de uma praia até outra;
Paraty: Qual o Melhor Passeio de Barco? Passeio de escuna, barco ou lancha privativa
A Ilha da Cotia permite conhecer duas praias na mesma parada, atravessando a ilha
  • Praia do Engenho: faça a trilha para conhecer a cachoeira, fica na entrada do Saco do Mamanguá;
  • Praia do Costa: a praia do filme “Crepúsculo”;
  • Lagoa Azul: águas cristalinas e a tonalidade que varia do verde ao azul;
  • Ilha do Mantimento: fica bem próxima do centro de Paraty, possui uma construção em forma de castelo e as ruínas de um forte, com uma vista bem legal para a cidade.

Nesse link, você consegue conferir um mapa com indicação de todas essas praias e ilhas.

Nossas escolhas foram a Praia da Lula, a Ilha da Pescaria, a Ilha da Cotia e, finalmente a Praia do Engenho.

Praia do Engenho no Saco do Mamanguá

Paraty: Qual o Melhor Passeio de Barco? Passeio de escuna, barco ou lancha privativa
Praia do Engenho, no comecinho do Saco do Mamanguá

Essa última praia foi uma parada muito especial. Além da praia estar deserta, ser muito bonita e também possui uma deliciosa sombra, ela fica em uma área de reserva ambiental.

Cleiton nos acompanhou por uma trilha muito rápida, até a Cachoeira do Engenho. A cachoeira não é muito propícia para banho, mas com certeza vale a contemplação.

Finalmente, como deixamos essa parada para o final, aqui é um bom lugar para entrar no mar e curtir a sombra de árvore frondosa. No cantinho direito, há também o curso de um rio, com águas tranquilas e cristalinas.

Paraty: Qual o Melhor Passeio de Barco? Passeio de escuna, barco ou lancha privativa
Cachoeira do Engenho, no Saco do Mamanguá

O passeio de lancha privativo da Paraty Tours custa a partir de R$ 1.800,00. Esse valor pode ser dividido pelo limite de pessoas de cada embarcação.

A Malou III, que foi a nossa embarcação, custa R$ 2.100,00 e comporta até 9 pessoas. Confira as condições de reserva e a antecedência necessária diretamente com a Paraty Tours.


3 – Passeio de Escuna

Apesar do tempo não ter ajudado, o passeio de escuna que fizemos em 2013 valeu muito a pena. É um ótimo passeio para relaxar e curtir a paisagem.

Na época, nós fechamos o passeio diretamente lá no Cais de Santa Rita, de onde saem os passeios de barco. Em 2013, o valor cobrado era de R$ 35,00 e nós ainda pechinchamos para pagar R$ 30,00.

A escuna tinha dois andares, música ao vivo (R$ 5,00 o couvert artístico), uma ampla área tanto embaixo como em cima da embarcação, e ainda wi-fi a bordo. Duvidei que o wi-fi funcionasse de fato, mas funcionou.

Optamos por essa embarcação pela possibilidade de viajar no andar de cima, o que nos renderia fotos mais bonitas.

Escuna parada em uma das praias da Baía de Paraty

O melhor é que o espaço era amplo, com cadeiras para ficar tomando sol. Adoramos. Nada de aperto, pelo menos dentro do barco.

O passeio de escuna tem 4 paradas (2 praias e 2 ilhas) e costuma sair por volta das 10h. Nos dias de maior movimento, existem saídas em diferentes horários.

Entre em contato com a Paraty Tours e mencione o código VIAGENSCINE. Leitores do blog têm 10% de desconto.

Esse passeio que fizemos em 2013 foi com uma outra empresa, mas hoje nossa recomendação é a Paraty Tours. Eles possuem mais de 28 anos de experiência em Paraty. A loja física deles ficam em localização central, vale a pena conhecer.

Fique atento pois os passeios possuem paradas diferentes. O passeio de escuna mais tradicional faz as paradas a seguir, que consideramos mais imperdíveis caso essa seja a sua primeira vez em Paraty.

Primeira Parada: Ilha Comprida

A nossa primeira parada foi na Ilha Comprida, para mergulho. Mas o ordem das paradas costuma mudar, de acordo com o dia.

O tempo fechou completamente, então o mergulho não foi tão gostoso. Mas pode ficar acostumado, especialmente no verão, as mudanças climáticas são muito frequentes.

Aquela fila básica para embarcar na escuna, após a parada na Ilha Comprida

Foi uma parada de 20 minutos para o pessoal mergulhar e ver os peixes.   É preciso ser sincero, e boa parte do tempo é perdida no embarque e desembarque das pessoas.

Segunda Parada: Praia da Lula

Nossa próxima parada, não muito distante da Ilha Comprida, mas ainda com tempo fechado, foi a praia da Lula. A praia é linda, mesmo com tempo nublado.

Cleber e eu na parada na Praia da Lula, em 2013

O barco disponibiliza botes para ir até a praia, mas também é possível ir nadando, num trecho de 100 metros.

Depois de uma parada de 30 minutos, voltamos para o barco. Ao contrário da volta do mergulho, a volta pelo bote salva vidas foi mais tranquila.

Terceira Parada: Ilha da Pescaria

Depois da Praia do Lula, fizemos uma nova parada na Ilha da Pescaria, que na verdade é bem pertinho e foi uma parada apenas para o almoço.

No nosso passeio, eles anotaram o pedido com antecedência e providenciam o almoço por volta das 13h.

Quarta Parada: Praia Vermelha

Lá pelas 14h fomos para a última parada, a Praia Vermelha, onde o sol resolveu dar as caras e brilhou intensamente.

A praia é tão linda quanto a Praia da Lula, com o diferencial de ser mais extensa e ter até um restaurante.

Praia Vermelha, uma das paradas do passeio de escuna

Novamente parada de apenas 30 minutos, que passou num piscar de olhos.

Em frente ao único restaurante encontrado na praia, há também uma pedra alta, onde eles fizeram uma escada e a transformaram num mirante. A vista de cima da pedra, que nem é tão alta, é linda, mostrando a beleza das águas da praia.

No retorno, o tempo fechou outra vez, mas foi uma grande sorte que o sol tenha brilhado justamente naquele curto período de tempo em que estávamos na Praia Vermelha.

Hora de fechar as contas e eles ainda servem um cafezinho. Ao chegarmos no píer, começou a chover, mas assim como o sol, a chuva também não demora muito por aqui.

Confira também
O que fazer em Paraty: Dicas e Roteiro de Viagem

Nota: Esse artigo foi originalmente escrito em 2013 e atualizado em 2021. Os passeios com a Nectar Experience e Paraty Tours foram cedidos em cortesia.

Essa página contém links para sites afiliados ao Viagens Cine.
Compartilhe.

Sobre o autor

Editor do Viagens Cine, fotógrafo e videomaker. Curte cinema e leva a vida e as viagens com toques de romance, drama e aventura. Formado em Letras, ex-bancário e muito mais feliz como blogueiro de viagens.

19 Comentários

  1. Estou fazendo umas pesquisas para nossas futuras viagens e que delicia cair neste post tão completinho! Somos apaixonados por Paraty!
    Obg por compartilhar!

  2. Pingback: 20 Melhores Praias do Rio de Janeiro - Costa do Sol a Costa Verde

  3. Oi Fábio! Estive em Paraty apenas uma vez, e em um bate-volta partindo de Ubatuba. Já vi que vale a pena passar uns dias por lá. Quando eu estiver no Brasil irei revisitar muitos lugares, viu?! Paraty é um deles.
    Muito obrigada pela sempre super bem elaborada dica. Saudades de Você e do Cleber. Que bom que temos a internet e eu posso vê-los por aqui. Beijinhos!

  4. Helen Francine Waldemarin de

    Passeio de barco em Paraty é demais, ne? As paisagens são incríveis! Um uau atrás do outro! E ficando na parte de cima da escuna deve dar mesmo uma visão privilegiada!

Deixei uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.