Top 7 Melhores Cenotes de Cancun e Riviera Maya – Guia Completo com Preços

Top 7 Melhores Cenotes de Cancun, Riviera Maya, Tulum, Cobá e Yucatán com preços: Gran Cenote, Cenote Azul, Ik Kil

Os cenotes foram uma das coisas que mais nos surpreenderam na viagem para Cancun, no México. Mas o que é um cenote? E quais os melhores cenotes de Cancun e da Riviera Maya?

Os cenotes são espécies de cavernas ou grutas, mas com a diferença que estão cheios de águas da chuva, formando belos poços de água cristalina.

Localizados na Península de Yucatán, eles são inúmeros e no caminho de Cancun para Tulum, é possível encontrar e visitar facilmente vários deles, como o Cenote Azul e o Cenote dos Ojos.

Um dos cenotes mais famosos é o Ik Kil, que fica no caminho para Chichén Itzá. Mas como são muitos cenotes, você pode ficar um pouco indeciso em quais deles visitar.

A entrada é paga, então é importante escolher bem e saber os preços de cada um.

Confira a seguir quais são afinal os melhores cenotes de Cancun e Riviera Maya, dicas de como chegar, preços, o que fazer e como conhecer essas atrações surpreendentes do México.

Top 7 Melhores Cenotes de Cancun e Riviera Maya: Guia Completo com Preços

Confira como chegar em alguns dos melhores cenotes de Cancun, Riviera Maya, Tulum e Cobá: Gran Cenote, Cenote Azul, Cenote dos Ojos, Ik Kil e Outros

A melhor definição nos traz o site da cidade de Mérida, ali pertinho de Cancun, que contém diversos cenotes no seu entorno.

A palavra cenote é derivada da palavra maya “dzonot”, que significa buraco no chão ou poço. Os espanhóis, ao chegar nessa região, começaram a designar como “cenotes” essas cavidades profundas. As formações são decorrentes da erosão causada pelas águas das chuvas, que foram abrindo buracos e túneis no solo. 

Antes de mais nada, recomendamos ler nosso artigo com as 10 perguntas mais frequentes de uma viagem para Cancun. Nela respondemos várias dúvidas frequentes de nossos leitores.

Tudo o que você precisa saber:
Cancun: Dicas de Viagem e Perguntas mais Frequentes – Melhor Época, Moeda e Onde Ficar

Salve no Pinterest para consultar depois

Top 7 Melhores Cenotes de Cancun, Riviera Maya, Tulum, Cobá e Yucatán com preços: Gran Cenote, Cenote Azul, Ik Kil

Porque os cenotes são tão incríveis

Alguns cenotes impressionam pelo tamanho e parecem de fato templos sagrados. Dessa forma, aqueles que eram utilizados para rituais não eram utilizados para abastecimento de água. Nesse cenotes, de função religiosa para os maias, foram encontrados até esqueletos em seus leitos.

Imaginou entrar num cenote com esqueletos e perdeu a vontade de mergulhar? Na hora que você avista suas águas claras e cristalinas, certamente esquecerá dos esqueletos.

O cinema também não colabora para que tenhamos uma boa imagem dos mergulhos em cavernas e cenotes. Fiz um post sobre alguns desses filmes de caverna, em que criaturas desconhecidas, parasitas e até desastres naturais não transformam a experiência em cavernas algo muito positivo.

Para conhecer um pouco mais dos cenotes da região de Mérida, visite o site da cidade. São inúmeros, mas nós só conhecemos o Cenote Sagrado e o Cenote Zaci.


1 – Cenote Ik Kil, Yucatán

Top 7 Melhores Cenotes de Cancun, Riviera Maya, Tulum, Cobá e Yucatán com preços: Gran Cenote, Cenote Azul, Ik Kil - Foto: Foto: Vicente Villamón, CC 2.0
O cenote Ik-Kil é um dos mais famosos, fica no caminho de Cancun para Chichén Itzá. Foto: Vicente Villamón, CC 2.0

O cenote Ik-Kil fica no caminho para Chichén Itzá, a pirâmide maia considerada uma das 7 maravilhas do mundo moderno.

Ele é o mais famoso da Península do Yucatán, porque a maioria dos passeios até Chichén Itzá faz parada lá. Por conta disso, esse também é o cenote mais cheio (dá uma olhadinha na foto como o pessoal está apertado na área fora da água). Até mesmo para o mergulho, como há muita gente na água, a experiência fica bastante prejudicada (leia relato dos amigos do Turista Profissional, link no final do post).

Abre às 9h, então se possível chegue logo na hora da abertura ou vá próximo do horário de fechamento (17h).

Não é permitido entrar no cenote de mochilas, então o uso do guarda-volumes é quase obrigatório (exceto se você deixar suas coisas no carro).

CENOTE IK-KIL

  • Preço: MXN 80,00 (ref. 2019)
  • Aluguel de Coletes (Chalecos): MXN 30,00
  • Estrutura: Possui lojas, banheiros, vestiário, guarda-volumes (MXN 30,00), lanchonetes e estacionamento (gratuito)
  • Nível de dificuldade: Fácil (escadaria íngreme de acesso, pode ser escorregadia)
  • Localização: Chichén Itzá, Yucatán

2 – Cenote Zací, Valladolid

Top 7 Melhores Cenotes de Cancun com preços: Gran Cenote, Cenote Azul, Ik Kil
Muitos cenotes impressionam pela grandiosidade, como é o caso do Cenote Zací, em Valladolid

Quando fizemos o passeio até Chichén Itzá, nossa empresa fez a parada em outro cenote da região, o Cenote Zací. Você não precisa necessariamente visitar os dois cenotes que ficam no caminho para Chichén Itzá, pois são cenotes com características e experiências parecidas.

O cenote é realmente impressionante em suas dimensões e beleza, mas não achamos as águas muito convidativas para banho, pois tinha muitas folhas.

Esse cenote fica dentro da cidade de Valladolid, então esse é um dos cenotes com acesso mais fácil da Península de Yucatán.

Ao avançar pelos túneis de acesso, você parece entrar em outra dimensão e vai caminhando por uma escada esculpida na rocha, que vai circundando as águas do Zací.

CENOTE ZACÍ

  • Preço: MXN 30,00 (ref. 2019)
  • Aluguel de Coletes: MXN 30,00
  • Estrutura: Possui banheiro, restaurante e estacionamento
  • Nível de dificuldade: Fácil
  • Localização: Valladolid, Yucatán

De qualquer forma, fica a consideração que qualquer um desses cenotes anteriores permite uma visita mais para contemplação do que para o mergulho.

Se você quer conhecer e mergulhar nas águas de um cenote com águas tranquilas e cristalinas, fique ligado para os próximos dessa lista.

Leia também: Chichén Itzá


3 – Cenote Azul, Quintana Roo

Top 7 Melhores Cenotes de Cancun, Riviera Maya, Tulum, Cobá e Yucatán com preços: Gran Cenote, Cenote Azul, Ik Kil
O Cenote Azul é um cenote aberto, o sol ajuda a esquentar um pouquinho

Nessa última viagem para a Riviera Maya, nós ficamos hospedados no Hard Rock Hotel Riviera Maya All Inclusive, localizado em Puerto Aventuras. Ali pertinho do nosso resort, fica esse cenote incrível, com estacionamento a partir da própria rodovia.

Não estávamos esperando muita coisa, pela facilidade de acesso, mas o Cenote Azul é realmente impressionante. O tom das águas é de um azul hipnotizante, e as águas são cristalinas.

Apesar de ser um cenote aberto (diferente de outros que visitamos), a água é bem gelada. Mas em dias ensolarados, você tem a vantagem de poder se banhar com a ajudinha do sol.

Para os mais corajosos, há uma parte mais alta onde é possível dar um mergulho nessas águas impressionantes.

Para quem não quiser mergulhar, dá para ficar sentado numa plataforma e ficar aproveitando os “peixinhos massageadores”, que na verdade ficam mordiscando os pés. Pessoalmente, me dá mais aflição do que relaxa.

Top 7 Melhores Cenotes de Cancun, Riviera Maya, Tulum, Cobá e Yucatán com preços: Gran Cenote, Cenote Azul, Ik Kil
Os tons de azul impressionantes do Cenote Azul

Como você deve imaginar, pela facilidade de acesso, o cenote fica bem cheio (ele é um dos favoritos dos locais), então evite ir aos domingos.

CENOTE AZUL

  • Preço: MXN 100,00 (ref. 2019)
  • Aluguel de Coletes: MXN 30,00
  • Estrutura: Possui banheiro, guarda-volumes e estacionamento
  • Nível de dificuldade: Fácil
  • Localização: Puerto Aventuras, Quintana Roo

4 – Cenote dos Ojos, Tulum

Esse cenote nós visitamos na viagem que fizemos para a Riviera Maya em 2012. Na volta de Tulum, ficamos na dúvida entre ir ou não para o Cenote dos Ojos (que fica no caminho de volta de Tulum para Playa del Carmen), pois já era quase 15h.

Afinal, resolvemos aproveitar bem o tempo que nos restava e pegar um táxi, que na época nos cobrou 250 pesos (cerca de 20 dólares, o preço normal seria 300, segundo uma tabela de preços que tinha no veículo) para nos levar até lá. Nosso taxista foi o Miguel, que nos orientou nessa visita e nos cenotes de Cobá.

O Cenote dos Ojos fica na Carretera Federal que liga as localidades de Playa del Carmen a Tulum. A entrada é quase em frente ao parque Xel-Há, fique atento às placas que indicam o local.

Depois da entrada, onde é paga o valor do ingresso, ainda é preciso percorrer uma distância de aproximadamente 10 minutos de carro até os cenotes propriamente ditos. Se você está sem carro, considere pelo menos uns 30 minutos de caminhada a partir da estrada. Felizmente, estávamos de táxi.

Nota: O lugar está dentro do Parque Dos Ojos, onde você pode fazer outras atividades como tirolesa e outros cenotes como o Cenote Jaguar e o Cenote Nicte Ha (todos ali nas proximidades). Mas a grande atração continua a ser o Cenote Dos Ojos.

Top 7 Melhores Cenotes de Cancun, Riviera Maya, Tulum: Cenote dos Ojos
Na água cristalina do Cenote dos Ojos, um dos cenotes mais famosos da Riviera Maya

Cenote dos Ojos – Preços e Estrutura

Quando chegamos na entrada do Cenote, havia duas opções de ingresso:

  1. somente entrada, com direito ao Primeiro Ojo e ao Segundo Ojo, por 100 pesos cada (MXN 350,00 valor atualizado para 2019)
  2. entrada, mais equipamentos e visita guiada com nado até a Bat Cave, por 800 pesos cada (MXN 600,00, valor atualizado para 2019)

Optamos pelo segundo. Eu tinha lido na interne que essa segunda opção era mais vantajosa.

O taxista ofereceu de nos esperar e nos levar de volta para Playa del Carmen por 650 pesos (cerca de 50 dólares) e acabamos topando, com medo de fazer aquela caminhada de volta ao anoitecer.

Considerando nossa ida de Tulum até o Cenote dos Ojos e depois a volta até Playa, penso que o trajeto de táxi acabou ficando caro.

Mas de outra forma seria inviável naquele dia, portanto para quem está sem carro, considere deixar o Cenote dos Ojos para um dia exclusivo.

Primeiro Ojo

Como já havíamos comprado a visita guiada, a guia Liz chegou e nos levou para um cabana, onde deixamos nossas coisas e pegamos colete, snorkel, pés de pato e roupa de neoprene (eu não peguei, mas acabei sentindo frio, portanto recomendo).

Inicialmente, fomos até o Primeiro Ojo, onde entramos e fiquei encantado com a transparência da água, parece que os peixes estão de fato flutuando. Incrível.

Colabora o fato de estarmos num poço em que a água está muito tranquila, portanto não há ondas ou movimento da água movendo partículas de areia, portanto a água imóvel nos causa uma impressão de que ela simplesmente não existe.

Pena que nossa câmera subaquática estava com algum problema, que todas as fotos ficam muito escuras.

Segundo Ojo

Como sempre nessas visitas guiadas, o tempo não é muito favorável e preferimos os lugares em que podemos curtir de forma independente.

Tivemos somente 10 minutos para nadar por lá, que passaram num piscar de olhos, e fomos caminhando para o Segundo Ojo (que fica a uma curta distância do Primeiro Ojo), mais um tempinho para aproveitar o cenote e nossa guia Liz também entrou.

Top 7 Melhores Cenotes de Cancun, Riviera Maya, Tulum: Cenote dos Ojos
Entrada para o Segundo Ojo, dali começa o tour até a Bat Cave, um dos pontos altos do Cenote dos Ojos

A partir daí, começou a parte do passeio pelo qual pagamos a mais. Liz nos distribuiu lanternas e começamos nosso circuito, ela na frente e nós seguindo ela, passando por diversas galerias, com estalactites, estalagmites e a caverna dos morcegos.

Fazendo snorkeling dentro de uma caverna

De início, fiquei um pouco nervoso, pois minhas habilidades na água são bastante restritas.

No entanto, nadar por aqueles rios subterrâneos que, como vimos acima, formaram os cenotes que conhecemos e conheceríamos ainda, foi uma experiência inesquecível. Valeu a pena superar qualquer medo ou restrição que eu possuía

Em determinados momentos fiquei com medo, de bater a cabeça em alguma estalactite que passava bem rente de nós (seja por cima ou pelos lados), ou principalmente quando em alguns momentos eu tinha dificuldade de respirar com o snorkel. Eu consigo respirar com o snorkel por um curto período de tempo, mas o trajeto dura quase uma hora, e em apenas um momento você tem acesso ao chão para tirar o snorkel e dar uma descansada.

De qualquer forma, sempre havia a alternativa de apenas flutuar sem fazer o snorkel, mas eu queria a experiência completa.

O uso do snorkel é fundamental para ver a profundidade e grandiosidade dos corredores de água que percorríamos. Buracos profundos, as estalagmites no fundo das águas, realmente é diferente de tudo o que eu já tinha visto.

Como nadamos por corredores estreitos e já distantes da claridade da superfície, são as lanternas que garantem alguma visibilidade.

Bat Cave

Um pouco cansado de respirar com o snorkel, foi um alívio quando fizemos uma parada na Bat Cave (caverna dos morcegos) e deu pra dar uma sentadinha.

Na Bat Cave, a guia brincou conosco um pouco com a lanterna, nos mostrando algumas estalactites em formação (os pingos de água denunciam) e os morcegos circulando pelo local. Apagamos a lanterna durante alguns segundos e ficamos ouvindo os barulhos da caverna, dos morcegos, da água e simplesmente de mais nada. Isolamento absoluto. Fascinação e medo se misturam.

O retorno foi mais tranquilo. Fim de passeio, fiquei realmente impressionado e recomendo a visita até a Bat Cave fortemente. Infelizmente, não dá pra ir sem o acompanhamento de um guia, é um labirinto e pode ser perigoso nadar sozinho e se perder lá dentro.

CENOTE DOS OJOS

  • Preço: MXN 350,00 básico e MXN 600,00 o tour com a bat cave (ref. 2019)
  • Coletes, snorkel, roupa de neoprene e guarda-volumes: incluído no valor do tour
  • Estrutura: Possui banheiro, guarda-volumes e estacionamento grátis
  • Nível de dificuldade: Difícil até a Bat Cave, para só entrar nos poços é fácil
  • Localização: Carretera Federal, Tulum

Leia mais:
O que fazer em Tulum


5 – Cenotes de Cobá: Tamcach-Há e Choo-Há, Cobá

Ainda sobre a viagem de 2012, que fizemos sem carro, depois de visitar o Cenote dos Ojos, ficamos com vontade de conhecer mais cenotes.

Nosso taxista nos ofereceu um passeio com a proposta de podermos visitar quantos cenotes a gente quisesse. Ficamos super seduzidos pela oferta.

Tanto que até ofuscou a própria ida até o sítio de Cobá, que seria a atração principal do dia. Topamos por 1.500 pesos (cerca de 120 dólares para os dois).

Na saída das ruínas de Cobá, Miguel sugeriu a visita a dois cenotes que nunca eu tinha lido, nas minhas pesquisas na internet antes da viagem. Ele parou em um ponto bem próximo da entrada do sítio, uma guarita onde ele me orientou a pagar o ingresso para os próximos dois cenotes. Achei esquisito e pensei: será que é furada? Nunca nem tinha ouvido falar nesses cenotes. Mas afinal paguei.

Como Chegar

A melhor maneira que encontramos para ir nesses dois cenotes foi de táxi, mas você também pode pegar uma bicicleta na saída de Cobá.

Saímos das ruínas de Cobá e em cerca de 10 minutos estávamos no primeiro cenote. Não havia muita sinalização, portanto se você estiver de carro talvez seja melhor contar com um GPS e se não estiver, conte com os serviços do táxi ou de uma agência de turismo. Não dá pra ir caminhando.

O preço era de 150 pesos para os dois cenotes: Choo-Há e Tamcach-Há. Difícil decorar esses nomes, nem o taxista sabia direito.

Choo-Há

Top 7 Melhores Cenotes de Cancun, Riviera Maya, Tulum e Cobá
Luzes e sombras causadas pela iluminação artificial colaboram para dar maior dramaticidade ao cenote

Em Choo-Há, Miguel nos aconselhou somente a tirar fotos e deixar o mergulho para o próximo cenote.

Surpreendentemente, aquele lugar que eu nunca tinha ouvido falar era escandalosamente tão lindo para fotos, que depois de mais 30 minutos lá dentro, nosso taxista desceu para ver o que tinha acontecido. Afinal, supostamente era só para nós tirarmos algumas fotos. Mas de fato, durante esses 30 minutos por lá, só ficamos fotografando o lugar.

Mas o nosso taxista Miguel tinha razão, o lugar é mais para admirar do que para mergulhar. O acesso é tranquilo, através de uma pequena escada de madeira e o melhor é que a iluminação de dentro do cenote é muito eficiente, valorizando cada espaço do local.

Comparando com dois outros “cenotes” que conheci na Chapada Diamantina, o Poço Azul e o Poço Encantado, no Brasil os dois são mantidos de forma rústica, somente com iluminação natural. No Cenote dos Ojos, que vistamos no dia anterior, a falta de iluminação também dificulta um pouco a fotografia do local.

Nesses cenotes mexicanos, a iluminação acrescenta maior dramaticidade e beleza aos espaços. E torna mais fácil a nossa tarefa de fotografar.

Tamcach-Há (ou Tankach-Há)

Top 7 Melhores Cenotes de Cancun, Riviera Maya, Tulum e Cobá
As impressionantes águas do Tamcach-Há, visibilidade incrível

Em Tamcach-Há, demoramos ainda mais, pois além de tirar as fotos, pudemos nadar (eu com uma bóia em forma de pneu) e ainda ficamos esperando uma enorme quantidade de pessoas que havia por lá irem embora.

Da escadaria que dá acesso ao cenote, algumas pessoas transformaram em trampolim para mergulho.

Depois que o cenote Tamcach-Há esvaziou, o lugar ficou ainda mais tranquilo e a água do cenote virou um espelho d´água. O espelho formado pelas águas do cenote rendeu ótimas fotos.

Mas depois de tanto tempo, dessa vez, Miguel nos esperava resignado, tanto que já estava pensando em ir embora direto para Playa.

Queríamos conhecer o Gran Cenote, que é um dos cenotes melhores cotados no TripAdvisor. O taxista ainda tentou nos convencer que não havia muita diferença entre os cenotes que já tínhamos visitado, mas “quantos cenotes pudéssemos visitar” certamente incluiria o Gran Cenote.

CENOTE TAMCACH-HÁ E CHOO-HÁ

  • Preço: MXN 150,00 para os dois cenotes (ref. 2012)
  • Não possui estrutura, no local é possível encontrar pneus que ajudam na flutuação
  • Estacionamento grátis
  • Nível de dificuldade: Fácil
  • Localização: Cobá

6 – Gran Cenote, Tulum

O Gran Cenote é o mais bonito cenote da Riviera Maya, tem até uma linda vegetação em suas águas

Esse foi o nosso cenote preferido em toda a viagem. Tanto que foi o único que visitamos duas vezes, em 2012 e retornamos em 2019.

Enquanto os cenotes de Cobá eram cenotes fechados, esse era bem aberto, permitindo a luz do sol entrar e formar diversos tipos de vegetação flutuando nas suas águas.

Chegamos meio tarde, a luz já não estava tão favorável e o tempo passou voando. Recomendo por volta das 14h, quando a luz ilumina a entrada e águas do cenote. O lugar é lindíssimo.

Depois de todas as sessões de fotos do lado de fora, na hora que fomos entrar, quase tivemos uma hipotermia.

De qualquer forma, vale muito a pena entrar na água. Fazer snorkel (ou até mergulho com cilindro) era impressionante. Além de peixinhos, é possível ver pequenas tartarugas nadando nas águas translúcidas do cenote.

Uma parte bem legal é que há um túnel que liga duas entradas do cenote, passando por uma semi-caverna com morcegos. Saímos quase congelando, mas valeu super a pena.

Top 7 Melhores Cenotes de Cancun, Riviera Maya, Tulum, Cobá e Yucatán com preços: Gran Cenote, Cenote Azul, Ik Kil
O Gran Cenote, em Tulum, é o nosso preferido na Riviera Maya

GRAN CENOTE

  • Preço: MXN 175,00 (ref. 2019)
  • Aluguel de Colete: MXN 50,00 e Aluguel de Guarda-Volumes: MXN 30,00
  • Estrutura: Possui banheiro, guarda-volumes e estacionamento grátis
  • Nível de dificuldade: Fácil
  • Localização: Tulum

Saiba mais:
O que fazer em Cancun e Riviera Maya: Roteiro Completo


7 – Rio Secreto (não é permitido fotografar ou filmar)

Top 7 Melhores Cenotes de Cancun, Riviera Maya, Tulum, Cobá e Yucatán com preços: Gran Cenote, Cenote Azul, Ik Kil
O cenote Rio Secreto é um dos melhor avaliados no TripAdvisor, mas também um dos mais caros. Foto: Divulgação

O Rio Secreto é um dos mais conhecidos da região, mas também um dos mais caros.

Além do preço alto, também não é possível fotografar, apenas comprar as fotos que eles vendem, o que aumenta consideravelmente o custo. Como trabalhamos com imagens, esse é um dos cenotes que sempre dispensamos por conta disso.

No entanto, como está muito bem avaliado no Tripadvisor, acrescentamos aqui nessa lista. Vale a pena caso você não tenha restrições em relação ao investimento, inclusive para comprar o pacote de fotos que eles vendem ao final do passeio.

O lugar oferece diferentes tipos de tours, com experiências variadas. O tour plus, por exemplo, inclui outras atividades como rapel e bicicleta.

É uma experiência diferente, pois você é acompanhado de um guia, então não pode curtir o cenote livremente, como em outros da região.

RIO SECRETO

  • Preço: US$ 79,00 (ref. 2019) + US$ 99,00 (pacote de fotos)
  • O que está incluído: guia, armários, roupa de neoprene, colete, capacete com lâmpada, toalhas, buffet e bebidas não alcóolicas
  • Estrutura: Possui estrutura completa, inclusa no valor do ingresso
  • Nível de dificuldade: Médio
  • Localização: Playa del Carmen, Quintana Roo

Confira o nosso vídeo no YouTube com as imagens dos cenotes no México

Confira também o mapa da localização de todos os Cenotes que visitamos na Riviera Maya.


Outros cenotes na região (não visitamos)

Principais Cenotes da Riviera Maia

Enfim, as opções de cenotes são muitas e não dá pra voltar de Cancun sem ter conhecido (e mergulhado) em pelo menos um. Para escolher entre eles, vale destacar suas características principais:

  • Cenote Zaci: impressiona pelo tamanho, mas não é muito bom para mergulho
  • Cenote dos Ojos: é o pior para fotografias, mas a melhor experiência, no caso o mergulho até a Bat Cave
  • Gran Cenote: ótimo para snorkeling e para fotos, em virtude da claridade
  • Choo-Há: o que chama mais a atenção são as estalactites, formando um cenário único e impressionante
  • Tankach-Há: impressiona pela dimensão e pelas águas cristalinas, ótimo para nadar

FICHA TÉCNICA:

Título: Cenotes no México
Direção: Península de Yucatán
Produção: Fábio Pastorello
Roteiro: Playa del Carmen, Tulum, Cenote dos Ojos, Cobá, Choo-Há, Tankach-Há, Gran Cenote
Elenco: Fábio Pastorello e Cleber Alcântara
Fotografia: Fábio Pastorello
O melhor: cada cenote é uma experiência, mas o mergulho até a Bat Cave (Caverna dos Morcegos) e a beleza do Gran Cenote foram os pontos altos
O pior: as águas podem ser um pouco geladas, pois as águas dos cenotes ficam protegidas da luz solar
Duração: 1 a 2 horas por cenote
Ano: 2012
País: México
Avaliação: ★★★★★

© 2013 Fabio Pastorello. Todos os direitos reservados. A reprodução de textos e/ou imagens não é permitida sem prévia autorização do autor.

Leia mais:

Top 7 Melhores Cenotes de Cancun, Riviera Maya, Tulum, Cobá e Yucatán com preços: Gran Cenote, Cenote Azul, Ik Kil

Tags:

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.