Projeto Gemini: filme traz locações em Budapeste e Cartagena

Projeto Gemini: filme traz locações em Budapeste e Cartagena

Quando um filme com Will Smith entra em cartaz, a gente já fica animado. O ator é responsável por algumas das melhores produções de ação dos últimos tempos. Um de seus últimos trabalhos é uma participação divertidíssima em Alladin (2019). Mas ele também consegue ser versátil e também carrega indicações ao Oscar no currículo.

Se o filme tem a direção de Ang Lee, também é outro motivo de empolgação. O diretor é responsável por alguns filmes clássicos, como O Segredo de Brokeback Mountain (2005), Razão e Sensibilidade (1995) e O Tigre e o Dragão (2000).

Mas o grande chamariz de Projeto Gemini, que entra em cartaz dia 10 de outubro nos cinemas, são as inovações tecnológicas, que prometem o “futuro do cinema”.

Bora lá conferir também as locações da película, que reunem destinos como Budapeste, Cartagena e Savannah.

Projeto Gemini: filme traz locações em Budapeste e Cartagena

Filme traz inovação com o formato digital 3D+ e 120 fps e promete o futuro do cinema

Projeto Gemini: filme traz locações em Budapeste e Cartagena
Sequência de ação acontece pelas ruas de Cartagena, na Colômbia

Se a tecnologia 3D já proporcionava uma experiência de imersão na realidade cinematográfica, o filme Projeto Gemini chega no dia 10 de outubro nos cinemas, com uma mais uma tecnologia inovadora. A promessa agora é o formato digital 3D+.

Algumas salas, como os cinemas UCI, possuem uma sala especial XPLUS, onde a experiência promete ainda maior imersão com a Alta Definição HFR (High Frame Rate).

O futuro do cinema? Diferenças da filmagem em 120 quadros por segundo

Projeto Gemini: filme traz locações em Budapeste e Cartagena
Locações e tecnologia de Projeto Gemini buscam uma experiência imersiva

A filmagem foi realizada em 4K e em 120 quadros por segundo, o que representa mais que o dobro do formato padrão do cinema, que é o de 24 quadros por segundo.

A projeção no Brasil acontece em 60 quadros por segundo, o que ainda é bem maior do o padrão anterior. Essa é a primeira vez que uma produção será exibida nos cinemas com essa resolução. Anteriormente, a definição maior foi alcançada por O Hobbit, que chegou a 48 quadros por segundo.

O resultado está na possibilidade de enxergar ainda mais detalhes de tudo o que está acontecendo no filme. Para captar ainda melhor essa riqueza de informações, o diretor Ang Lee optou por “desacelerar” algumas cenas.

Projeto Gemini: filme traz locações em Budapeste e Cartagena
Ang Lee e Will Smith durante as filmagens de Projeto Gemini

Recentemente, nossos vídeos no YouTube também tem adotado a captação em 4K e em 60 quadros por segundo para aumentar a experiência imersiva para o nosso público. Mas lógico, ainda estamos distantes dessas produções cinematográficas.

Para quem não é muito fã da tecnologia 3D, “Projeto Gemini” também é exibido em 2D, nas salas IMAX, com telas quatro vezes maiores do que em salas de projeção comum.

O filme é uma ficção científica com Will Smith no papel principal. Ele interpreta Henry Brogan, um assassino de elite que começa a ser perseguido com um clone, ainda mais forte e mais jovem do que ele. É Will Smith em dose dupla.

Locações de Projeto Gemini

Para aumentar ainda mais a experiência imersiva, o filme também aposta em locações cinematográficas. A produção se esmerou em encontrar locações que contribuíssem para as cenas de ação, mas que também mostrassem a beleza das cidades.

“Gravar nessas locações é mais real e imersivo. É assim que você atrai o público para o seu mundo”, declarou Ang Lee.

A sequência inicial, uma perseguição eletrizante, acontece em Cartagena por exemplo. Motocicletas desfilam entre muralhas de mais de 400 anos da cidade e pelos telhados de suas construções charmosas.

As gravações em Budapeste incluíram alguns de seus pontos turísticos mais famosos, como as Termas de Széchenyi e o Castelo de Vajdahunyad.

O filme ainda teve locações em Savannah, no Estado da Geórgia, um dos mais cinematográficos dos Estados Unidos. As cidades e as paisagens da Georgia já foram cenários de produções como “Pantera Negra”, “Stranger Things” e “The Walking Dead”. Também é possível fazer roteiros turísticos visitando as locações na Georgia, conhecida como a “Hollywood do Sul”.

FICHA TÉCNICA

Filme: Projeto Gemini
Lançamento: Paramount Pictures
Direção: Ang Lee
Elenco: Will Smith, Mary Elizabeth Winstead, Clive Owen
Gênero: Ação, Ficção Científica
Duração: 117 minutos
País: Estados Unidos e China
Ano: 2019

Fontes: Paramount Pictures (Agência Guanabara) e UCI Cinemas (Palavra Assessoria)

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.